Teorias de Jung


Carl Gustav Jung foi um teórico da Psicologia e “pai” da Psicologia Analítica. Basicamente, se apoiou nos estudos de Freud mas diferiu dando outro significado a libido e introduzindo o conceito de Inconsciente Coletivo, entre muitos outros conceitos e teorias. Na verdade, Jung uniu seu vasto conhecimento em mitologia e alquimia além dos conceitos espirituais, aos estudos da psique na época.


Lançou conceitos como:


Tipos Psicológicos e Funções (introversão, extroversão, sensação e sentimento) - que para ele eram expressões da libido como força vital e não somente impulso sexual, e que cada indivíduo tem um ou dois deles como dominante;


Sincronicidade - acontecimentos que se relacionam por significados e não pela causalidade. Vivência de dois ou mais fenômenos que coincidem de forma significativa do ponto de vista de quem experiência e que sugere um significado;


Inconsciente Coletivo - Freud conceituou o inconsciente individual que basicamente é composto de complexos e conteúdos reprimidos. Jung foi além e conceituou o Inconsciente Coletivo composto de imagens universais (Arquétipos) que constelam sentimentos profundos através da significação simbólica dessas imagens.

Cursos     |     Atendimentos    |    Indicação de Fórmulas     |    Busca                    

Auxiliares da Terapia

Psicossomática


Teorias de Jung


Psicologia Humanista


Filosofia

Auxiliares da Terapia