Terapia Floral: a busca da cura em si mesmo

saude-florais

Na Mídia:

Matéria publicada em 7/11/2013 no Diário de Ourinhos
Florais de Bach ajudam restabelecer o equilíbrio e a promover a mudança de comportamento

 

Você, com certeza, já ouviu falar sobre os florais de Bach. No entanto, mesmo tendo ouvido falar sobre eles, muitas vezes não sabemos, ao certo, do que se trata. Na década de 1930, o Dr. Edward Bach buscou nas flores, plantas e árvores a cura para males associados as nossas emoções, e aos aspectos sutis de nossa existência. Foi, então que ele criou o sistema Florais de Bach.

O Dr. Edward Bach, médico infectologista inglês, organizou o seu sistema de florais que leva o seu nome, numa alternativa de tratamento natural a seus pacientes. A ideia era tratar com remédios que ajudassem a restabelecer o equilíbrio e, consequentemente, a saúde, sem produzir os efeitos colaterais que os medicamentos já traziam na época.

Assim, com muitos estudos, análise de casos e desenvolvimento de pesquisas, desenvolveu os Florais de Bach com 38 essências e um composto emergencial, que trabalham tanto as nossas emoções, como o nosso campo mental. Com a sua prática em Medicina embasada por sua sabedoria, desenvolveu uma filosofia sobre tratamento e cura dos indivíduos entendendo que há uma relação direta entre respeito a sua própria natureza e o seu propósito, e o seu equilíbrio, alegria e saúde. A sua filosofia é à base de uma prática terapêutica chamada Terapia Floral.

O seu sistema é reconhecido mundialmente e a Organização Mundial da Saúde (OMS) assim se coloca: “Cada remédio trata uma determinada pessoa e uma condição particular. O uso de todos estes remédios (florais) está amplamente distribuído pelo mundo em pequena escala. Eles são excelentes para o autocuidado, sendo totalmente sem efeitos colaterais e assim não oferecem perigo caso um remédio errado seja prescrito”.

De acordo com a terapeuta flora Ana Roxo, hoje os florais são considerados uma prática complementar e integrativa de saúde, que podem proporcionar o bem estar e a possibilidade de equilíbrio emocional e mental. “Os florais são de uso livre e atualmente existem muitos sistemas florais nacionais e internacionais. Cada sistema floral tem números variados de essências florais que abarcam uma quantidade bastante razoável de características de personalidades e comportamentos”, explicou.

Os florais são extratos líquidos artesanais basicamente de flores, que possibilitam um realinhamento mental e emocional, pois trazem uma informação da natureza que em contato com outro campo de semelhante estado, pode promover o equilíbrio e a mudança de um comportamento.

Quando falamos de campo metal não estamos relacionando a problemas psiquiátricos e sim, mentes que não param, o medo de perder o controle mental ou ainda pensamentos repetitivos etc. “As doenças são da área médica, mas as crises emocionais os estados ansiosos, tristezas persistentes, dentre vários outros comportamentos, podem ser tratados com florais. Eles também podem amparar e ajudar nos processos de tratamentos da medicina tradicional, como coadjuvantes”, afirmou.

A utilização dos florais pode ser para casos pontuais onde existe uma questão imediata como uma prova, vestibular, uma mudança etc, como para comportamentos arraigados que se confundem a história de vida de um indivíduo. Para situações pontuais uma ou duas fórmulas geralmente trazem o benefício esperado.

Apesar dos florais serem de uso livre, é recomendável que essas fórmulas sejam elaboradas por profissionais preparados que indicam florais ou serem solicitados diretamente nas farmácias que têm esse serviço. Para situações mais arraigadas algumas fórmulas são necessárias e neste caso, uma Terapia Floral pode ser a mais recomendada.

A Terapia Floral é um método tranquilo para restabelecer o equilíbrio e a integridade emocional e mental, apoiado principalmente na indicação das essências florais. É um programa de consultas onde o cliente pontua as características que percebe em si e que lhe causam algum tipo de desconforto, dano ou prejuízo. São indicadas as essências florais pertinentes às características que foram trazidas promovendo, assim a possibilidade da restauração da harmonia e do bem-estar.

“Num clima de igualdade e não de análise, os diálogos durante as consultas ajudam na identificação das características que serão tratadas e também na liberação da energia emocional dos acontecimentos e sentimentos vividos. Facilitando, assim o processo da liberação emocional e a possibilidade da sua diminuição”, ressaltou.

O profissional de Terapia Floral tem uma capacitação e formação específica para amparar um processo terapêutico que envolva questões da formação da personalidade ou de situações onde a profundidade emocional em vivências às vezes traumáticas esteja presente. No Brasil, a profissão de Terapeuta Floral já é reconhecida e foi enquadrada dentro das atividades de práticas integrativas e complementares em saúde, recebendo o código 8690-9/01 da Comissão Nacional de Classificação (CONCLA), órgão responsável pela classificação de profissões e ligado ao Ministério do Trabalho e ao IBGE.

Segundo Ana, para aqueles que querem usar para o autocuidado é também recomendável que faça um dos vários cursos disponíveis sobre os florais de Bach, para que se auto indique com segurança e capacidade de entender o seu processo de autoconhecimento.

“Segundo Dr. Bach, nós nos desequilibramos e somente nós mesmos podemos voltar ao equilíbrio, amparados pela Medicina quando do caso de doenças e pelos florais quando se tratarem de estados emocionais ou mentais. Os Florais nos ajudam a ‘lembrar’ a nossa natureza em equilíbrio e assim nos ‘mostrar’ o caminho de volta ao bem estar e a harmonia”, finalizou.

Informações importantes:
. Florais não são medicamentos, são remédios para o autocuidado, de uso livre e sem efeitos colaterais (OMS).
. As essências florais trabalham pelo equilíbrio emocional e mental dos indivíduos, atuando no corpo físico por conseqüência desta harmonia;
. O tratamento com florais não substitui tratamentos médicos tradicionais ou vice-versa.
. As essências florais são melhor aproveitadas dentro de um tratamento terapêutico, embora a sua utilização circunstancial seja de grande benefício.

  • 0

    Avaliação

  • Avalie

Compartilhar

Também pode te interessar